Abdominoplastia em paciente com grande perda ponderal (clássica e abdominoplastia em ancora)


 

Os pacientes que se submetem a cirurgia bariátrica ou tem perda ponderal maciça por dietas se livram da obesidade e de seus problemas como diabetes e pressão, mas adquirem problemas relacionados ao emagrecimento rápido, como flacidez de pele em várias regiões.

Além do aspecto inestético, essa flacidez pode ocasionar dificuldade para a prática de atividades físicas, dificuldades de higiene, múltiplas infecções de pele e dificuldades para adequação ao vestuário.

As cirurgias plásticas pós bariátrica ou pós emagrecimento buscam corrigir esses defeitos, melhorando o contorno corporal e a integração social dos pacientes.

A abdominoplastia é o procedimento cirúrgico no qual se remove o excesso de pele abdominal e se realiza uma plicatura (aproximação com pontos) dos músculos retos abdominais, deixando o abdome mais reto e firme.

Nos casos pós perda ponderal maciça a flacidez de pele costuma ser tão grande que pode ser necessária uma incisão vertical associada a incisão horizontal (a abdominoplastia em Âncora). Em casos com flacidez menor e possível realizar abdominoplastia clássica apenas com incisão na parte mais baixa do abdome, que fica escondido sob as roupas.